segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Como Sobreviver a um Ataque Zumbi


O filme 'Como Sobreviver a um Ataque Zumbi' (Scouts Guide to the Zombie Apocalypse, 2015) não veio para ser outro filme de zumbi como tantos que andam chegando as telonas. A produção da Paramount Pictures veio seguindo uma linha mais debocha, um terror com comédia de humor negro, que lembra alguns antigo filmes do gênero.

A narrativa se passa basicamente em uma noite, em um roteiro de zumbi tradicional, mas a sacada é aplicar vários dos mandamentos dos famosos escoteiros na luta contra os mortos que caminham. O resultado é uma divertida história de noite dos mortos vivos.


Além disso, por se passar nos dias atuais, o uso de celular foi incluído no filme de uma forma bem criativa, presente não só junto aos personagens, mas servindo muito bem nos créditos, como um tipo diferente de "cenas pós créditos".

A trama em estilo terror trash, ou seja, repleta de muito sangue e tripas, também tem uma boa carga de cenas impróprias para menores, mas todas muito bem colocadas no contexto das piadas.


A história mostra 3 escoteiros, amigos desde a infância, que chegam a adolescência. Enquanto um ainda vive em função do grupo, os outros dois acham que já não tem mais idade para serem escoteiros e querem sair. O que só não fizeram ainda por causa do empolgado amigo que vive em função dos escoteiros.

Enquanto isso, em um laboratória de pesquisa próximo a cidade onde moram os 3 escoteiros, um experimento foge de controle e inicia uma onde caos, em um típico apocalipse zumbi. No entanto, o que parece um roteiro bem óbvio, é repleto de momentos de terror e de comédia, que o torna um destaque entre essa nova leva de filmes de zumbi.


'Como Sobreviver a um Ataque Zumbi' estreia nos cinemas brasileiros no dia 20 de novembro, próxima quinta-feira. Na minha opinião, não sendo recomendado para menores de 16 anos. O filme é distribuído pela Paramount Pictures Brasil, em cópias legendadas e dubladas em português.

Leia+: CINEMA SOBRENATURAL


Nenhum comentário:

Postar um comentário