segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Amor de Vampiras

Por que eu gosto tanto de histórias de vampiros? Boa parte da "culpa", com toda a certeza é de Anne Rice, Lestat e seu amigos. Mesmo que meu interesse por vampiros tenha começado com um doce vampiro, definitivamente as criaturas de Anne Rice ajudaram na minha, digamos vampmania. (Junto com os filmes, séries e o livro Drácula.)

Entre filmes, séries, quadrinhos... E, claro, livros de vampiros não tem como não falar de André Vianco, simplesmente por ser louca por Sétimos e todos os setes vampiros português criados pelo autor (especialmente o Inverno). Foi na mesma época que descobri o site Adorável Noite, os contos de vampiros do Adriano Siqueira, Giulia Moon e Martha Argel, que lançava seu primeiro romance com sua adorável vampira Lucila e a humana sangue bom da Clara, o Relações de Sangue (edição 1).

Um pecado não ler!

Por isso, antes de fazer a resenha dos novos livros de Giulia Moon e Martha Argel, lançados na Bienal do Rio desse ano, preciso dizer que o legal é ler os livros na ordem e isso inclui a antologia Amor Vampiro, publicação da Giz Editorial. O livro conto não só com a presença de André Vianco e Martha Argel, mas também tem contos de Adriano Siqueira e da Giulia Moon, o Dragão Tatuado, que apresenta Kaori e Samuel. O conto de Martha Argel, mesmo não sendo com Lucila e Clara, dá um gostinho do universo vampiresco criado pela autora. Porque para quem conhece autores de histórias fantásticas, mesmo que suas criaturas nunca se encontre nas histórias, todos fazem parte de um mesmo universo e os fãs podem até imaginar a interação de alguns. Fãs não criaram as fan-fictions à toa, se bem que alguns autores gostam de ir na onda e proporcionar encontros memoráveis de suas crianças em histórias, como é o caso de Anne Rice.

Ninguém resiste ao perfume da vampira Kaori!

Depois de ler a antologia Amor Vampiro, é partir para a leitura dos romances de estreia de Martha Argel e Giulia Moon sem medo de se divertir. Porque tanto o Relações de Sangue (edição 2) como Kaori - Perfume de Vampira (Ambos publicados pela mesma editora de Amor Vampiro, a Giz.) são livros cheios de aventura, suspense e terror, mas também contam com doses de ação, romance e muitas cenas divertidas. (Geralmente proporcionadas pelos humanos da histórias, que caem de para-queda dentro do mundo dos vampiros, Clarinha em Relações de Sangue e meu adorado Samuel em Kaori. Outro humano sangue bom!).

Verdade que todas as histórias são fechadas, ou seja, com começo meio e fim, podendo ser lidas na minha em qualquer ordem, mas como há gancho para futuras sequências, o legal mesmo é ler na ordem. Então, depois de ler Amor Vampiro e os primeiros romances das autoras, estará pronto para desvendar os mistérios perigosos das páginas de Amores Perigosos (Llyr) e de Kaori 2 - Coração de Vampira (Giz), que em breve terão resenhas divulgadas aqui e também no Literatura Digital do programa Seleção Digital da rádio Digital Rio.

O que mais gosto na trajetória de histórias como, por exemplo, a de Kaori e Samuel é a chance de desenvolvimentos do universo fantástico dos autores e de suas criaturas. Eu apoio a ideia das editoras que publicam antologias, de publicarem livros com histórias que dão continuidade aos contos, como aconteceu com o de Giulia Moon. Se existir a possibilidade de continuação, é claro.


NOTA: Quem quiser outras dicas de livros pode espiar o meu perfil do Skoob e dica de filme, pode encontrar no meu perfil do Filmow. E a rádio agora está no Skoob, veja dicas de livros de vários gêneros, entre nacionais e internacionais, no perfil Digital Rio Skoob.

Nenhum comentário:

Postar um comentário