terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

#DeusesDoEgito


'Deuses do Egito' (Gods of Egypt, 2016) é uma produção totalmente voltada para o cinema em 3D de ação. Dirigido por Alex Proyas, o filme pega a mitologia de origem do Egito, que alega que os egípcios são uma nação fundada por deuses, e inclui uma dose de 'Eram os Deuses Astronautas?' em uma narrativa fantástica e sobrenatural. Que parece inspirada em produções japonesas de animação, os famosos animes, só que mesclando atores de carne e osso, a mais alta tecnologia de efeitos digitais em 3D, para narra a história da origem divina dos faraós e seu povo.

Estrelado por Gerard Butler, que faz o papel do deus egípcio Seth, e por Nikolaj Coster-Waldau, na pele do deus Hórus, o filme inicia com a lendária rixa da divina família de deuses que formam o panteão do Egito. Porém o roteiro, escrito por Matt Sazama e Burk Sharpless, não se aprofunda muito no tema, pois o foco da produção é mesmo o visual e as cenas de grande ação, tudo pensado para o 3D, de forma a levar o público para dentro do universo dos mais antigos e lendários deuses.

Para deixar os mitológicos primórdios do Egito, quando os deuses caminhavam entre os seres humanos, ainda mais fantástico; foi incluído ao roteiro algumas referências da famosa teoria do suíço Erich von Däniken, do documentário 'Eram os Deuses Astronautas?', baseado na publicação de mesmo nome. O resultado foi que a produção tornou o Egito no filme um lugar altamente tecnológico, não somente mágico por conta do conteúdo sobrenatural. Um visual de ficção científica especulativa que vai da arquitetura as armaduras feitas com tecnologia além do nosso tempo, o que dirá do antigo Egito; lado a lado a artefatos mágicos com características egípcias divinas.

Essa mistura lembrou os antigos filmes de jornada do herói, como os clássicos dos anos de 1970 'Sinbad and the Eye of the Tiger' e 'The Golden Voyage of Simbad', onde magia e tecnologia futurista eram incluídas a trama dos roteiros, para intensificar o fator fantástico das histórias.

Além da luta dos deuses pelo trono egípcio (os quais possuem ares de Titãs, já que no filme são maiores que os humanos numa proporção que os deixam de tamanho semelhante as estátuas gigantescas existentes até hoje no Egito), o roteiro de 'Deuses do Egito' também tem um drama paralelo envolvendo os personagens dos atores Brenton Thwaites, como Bek, e Courtney Eaton, como Zaya, que acabam em meio ao fogo cruzado na guerra travada entre os divinos seres. Já que como humanos ficam limitados a mortalidade de sua existência e aos caprichos das divindades no poder.

Destaque para os atores Chadwick Boseman, que interpreta o deus do conhecimento Thoth, e para Elodie Yung, que faz uma versão mais sedutora da deusa egípcia Hathor (a qual no filme ganha características da deusa grega do amor, a Afrodite).

O filme 'Deuses do Egito' estreia na próxima quinta-feira, dia 25 de fevereiro, nos cinemas brasileiros, com distribuição da ParisFilmes. Recomendado para quem curte filmes de pura ação e efeitos especiais de última geração, feitos para o 3D.


Leia+: Cinema Sobrenatural

Leia também: LENDAS SOBRENATURAIS

Fique ligado em outras das minhas dicas de cinema, TV, literatura, análise críticas e matérias especiais no Blog da Digital Rio, leia+: LUCARD




Nenhum comentário:

Postar um comentário