Literatura Fantástica nas ondas do rádio

segunda-feira, 17 de junho de 2019

A Lei do Peiotista


O livro 'A Lei do Peiotista' da autora brasileira Krystina Reish narra uma história inspirada na cultura e religião das tribos norte-americana.

Uma narrativa que lembra inicialmente os roteiros de filmes estilo Road Movies, mesclada a uma trama fantástica, onde a autora escreve sobre o choque cultural entre a sociedade atual e a dos primeiros habitantes da América do Norte.

Com foco em Danann, a narrativa inicia com uma viagem da Irlanda para os Estados Unidos. Porém é a partir da cidade de Albuquerque que a jovem irá vivenciar um atribulado caminho, que também a leva a descobrir um exótico e intrigante mundo novo, em meio as tribos indígenas da América do Norte que ainda resistem.

'A Lei do Peiotista' mescla os gêneros drama e fantasia de uma forma bem homogênica, dando um ar realista a trama e tornando a jornada de Danann algo que poderia acontecer com o leitor, o que torna a experiência da leitura mais instigante.

Uma trama que relata um pouco da cultura indígena, da história ao idioma, e também fala como os seres humanos deviam comungar com o planeta, assim como os antigos povos faziam, tornando 'A Lei do Peiotista' da Krystina Reish, não só um tipo de homenagem aos índios americanos, mas, principalmente, um lembrete ao ser humano da importância de uma conexão com a Terra. E que a natureza de nosso planeta deve ser preservada e respeitada.

Um livro do tipo tijolão, com 418 páginas, que é uma publicação da Editora Autografia e recomendado para fãs de literatura fantástica e também para os leitores que entusiastas de História Geral. Porque mesmo sendo uma trama de ficção, quem gosta de ver os programas do History Channel e dos canais do tipo, para aprender sobre os povos e suas culturas, pode curtir.

Leia+: RESENHAS DO CONTOS SOBRENATURAIS
Leia também: #LiteraturaSobrenatural


Nenhum comentário:

Postar um comentário