domingo, 17 de janeiro de 2010

Colaboração XI

O Livro dos Contos Enfeitiçados (Resenha)


Não Creio em Bruxas, Mas que elas Existem, Existem.

Martha Argel, conhecida escritora de livros sobre vampiros como Relações de Sangue, O Vampiro na Mata Atlântica além de participar da coletânia Amor Vampiro, em que escreve com outros autores contos sobre vampiros, não escreveu só sobre as criaturas da noite. Também escreveu sobre aves já que faz parte de sua formação acadêmica, afinal de contas ela é bióloga formada pela USP além de ser doutoura em Ecologia formada pela Universidade de Campinas. Martha também escreveu sobre magia em um livro de contos entitulado O Livro dos Contos Enfeitiçados de 2006 publicado pela Editora Landy.

Com sete ótimos contos com um pouco do senso de humor da autora já divulgado em trabalhos anteriores, cada um dos contos narra um pouco da magia e encanto que oferecem.

Amarelo, Amarelo conta a fábula da pequena Beatrix de três anos, que depois de perder seus pais em um acidente de carro, vai morar com a tia Valerie, uma artista plástica que nota algo peculiar na pequena garota. O gosto por vestidos e coisas amarelas.

Eu Detesto Futebol mostra um grupo de bruxas brasileiras que tem um inimigo em comum: O futebol e que estão dispostas em usar um feitiço para exterminar com o inimigo de uma vez por todas.

O Verdadeiro Poder narra a história de Liana que é tomada por algo sobrenatural drenando suas forças vitais deixando-a a beira da morte, enquanto seu amor Heitor tenta salvá-la ao mesmo tempo em que é amado por Samara que decide unir seu poder ao dele no intuito de salvar Liana.

O Olho Vermelho mostra um inquilino se mudando para um quartinho em que um sensor vermelho começa a incomodá-lo e ele procura pensar em formas de enganar o sensor e ficando obcecado com isso.

Final Feliz é um conto de fadas de uma princesa de um reino distante que vai pedir ajuda a um grande mago para achar seu tão sonhado príncipe encantado.

O Livro dos Contos Enfeitiçados que dá nome ao livro, mostra um livro assustador que pode guardar em suas páginas os maiores medos de seus leitores.

Sofia, último e mais longo dos contos apresentados e também o mais interessante, mostra um aniversário diferente para a jovem Sofia, que acaba de completar 25 anos e com isso descobre não só ser uma bruxa, mas também a única poderosa o suficiente de derrotar a maléfica Olympia.

Cada um dos contos, mostra de maneira única como a magia pode estar presente na vida de cada um dos personagens de maneira diferente, alguns abordando de maneira cômica outras de maneira mais trágica e dramática, mas todos tem o estilo literário que Martha Argel cativou seus leitores desde Relações de Sangue.

Aproveite a visita e dê uma lida na entrevista que fiz com Martha Argel e Giulia Moon, durante a passagem delas pelo Rio em Outubro, na mesa Redonda que a Saraiva Mega Store do Rio Sul promoveu: Vampiras Paulistas em Solo Carioca.

Texto Original:
Repórter de Aço de Louise Duarte

Nenhum comentário:

Postar um comentário