quinta-feira, 29 de março de 2012

Promoção Grimm

A série 'Grimm' conquistou não somente os norteamericanos, mas os brasileiros também. Os criadores da série David Greenwalt (conhecido pelo trabalho como roteirista nas séries 'Buffy' e 'Angel'), Jim Kouf (conhecido pelo trabalho como roteirista nas séries 'Angel' e 'Ghost Whisperer') e Stephen Carpenter, levam ao ar a cada semana, episódios com roteiros inspirados em algum dos contos dos escritores Jacob e Wilhelm Grimm.

'Grimm' conta a história de Nick Burkhardt, interpretado pelo ator David Giuntoli, um detetive da homicídios que ao descobrir que é descendente dos famosos Irmãos Grimm, é surpreendido com o fato que os contos escritos por eles, na verdade, são histórias reais. Isso porque a família Grimm, possui o dom de ver o mundo sobrenatural, que cerca a sociedade dos humanos. Nick não fica muito feliz com a descoberta e tenta levar sua vida normalmente, o problema é que a família Grimm parece ter um ímã para confusão envolvendo seres sobrenaturais. O herdeiro dos Grimm inclusive acaba por fazer amizade com o Lobo Mau, que além de gostar da cor vermelha, de mau só tem a fama. Monroe, interpretado pelo ator Silas Weir Mitchell, sempre é envolvido nas confusões de Nick, o qual sempre pede ajuda do lobo.

A série foi baseada nos contos e na vida dos Irmãos Grimm, partindo da ideia que os textos escritos pelos autores, eram inspirados em fatos verídicos. Tal ideia surgiu por que os contos dos dois irmãos são lendas populares entre o povo germânico, as quais eles passaram a transcrever e publicar. Os irmãos Jacob e Wilhelm Grimm se dedicavam aos estudos de história e linguística, recolhendo diretamente da memória popular, as antigas lendas germânicas, conservadas pela tradição oral.

Os Contos de Grimm não são propriamente contos de fadas, são divididos em contos de encantamento (com metamorfoses), contos maravilhosos (com elementos mágicos e sobrenaturais), fábulas (histórias vividas por animais), contos envolvendo antigas divindades, contos de enigma ou mistério e contos jocosos (com humor).

Na tradição oral as histórias eram para os adultos, mas os Grimm decidiram torná-las histórias infantis, acentuando a temática mágica e fantástica, descartando temas com crueldade ou imoralidade. A violência presente em contos como os de Charles Perrault, foi substituido pelo humanismo, acentuando a solidariedade e o amor ao próximo, diminuindo os aspectos negativos e aumentando a esperança, ao criar finais mais felizes. Vários críticos afirmam que os Grimm incentivam o conformismo e a submissão, mas não foram eles que "foforizaram" as histórias que vemos hoje no cinema e na TV. Os contos dos Grimm apenas dão esperança e finais felizes do tipo onde quem faz as coisas certas será recompensado, mas se fizer besteira será punido". Buscando inspirar com seus contos uma espécie de filosofia de boa vizinhança.

Para os fãs dos Grimm, seja dos contos ou da série, ou de ambos, temos uma ótima promoção. Vamos sortear um livro com alguns dos contos mais conhecidos dos Grimm e outros nem tanto.

Para fazer parte do sorteio, basta mandar um e-mail para digitalrio.jacarepagua@gmail.com , dizendo: Grimm, os contos de fadas que são de assustar.

E quem quer números extras, divulgue a promoção no Twitter, tuitando a frase:

#Promocao #ContosSobrenaturais - #DigitalRio de @annylucard. #Sorteio de um livro de contos dos #Grimm. http://bit.ly/cSnrsp

Se tem Facebook precisa CURTIR a página da Digital Rio do Projeto Literatura Nas Ondas do Rádio para ganhar o número extra.

Seja divulgando no Twitter ou curtindo no Facebook, para ganhar o(s) número(s) extra(s) precisa informar a rádio por e-mail, DM ou mensagem, que participa e quer o número extra.

NOTA: Todos os sorteios feitos pela Digital Rio fazem parte do Projeto Literatura Nas Ondas do Rádio e são acompanhados de kits com marcadores e diversos materiais promocionais. Inclusive marcadores autografados de vários autores, como por exemplo: @MarthaArgel @adrianosiqueira @giuliamoon @gerson_couto @Eliana_Portella @gaburani @georgettesilen @AndresCarreiro...

Nenhum comentário:

Postar um comentário