segunda-feira, 23 de maio de 2016

#AliceAtravésDoEspelho


'Alice Através do Espelho' (Alice Through the Looking Glass), filme que continua a narrar a história iniciada em 'Alice no País das Maravilha' (Alice In Wonderland), tem seu roteiro inspirado nos personagens das histórias de Lewis Carroll, não sendo uma adaptação do livro de mesmo nome.

Com direção de James Bobin e produção de Tim Burton, a proposta da sequência da adaptação de 'Alice no País das Maravilhas' é de criar uma história para os personagens do livros de forma especulativa e inspirada nos acontecimentos do filme um. Até porque o primeiro filme já tem um roteiro que mescla um pouco, tanto a trama do livro 'Alice no País das Maravilha', como do 'Alice Através do Espelho'.

A produção tem a atriz Mia Wasikowska de volta ao papel título, como Alice, mas a trama do filme dois é focada no personagem do ator Johnny Depp, que retorna como o Chapeleiro Louco, seu passado e família.

Nessa sequência temos uma trama com vários conflitos familiares, não só envolvendo o Chapeleiro, como também envolvendo Alice e também as personagens das atrizes Anne Hathaway, como a Rainha Branca, e Helena Bonham Carter, como a Rainha Vermelha, que também têm seus passados revelados no filme.

Uma nova aventura que além do drama e dos eternos conflitos familiares em evidência, também leva Alice de volta ao País das Maravilhas, indo não só além das fronteiras da nossa realidade, mas viajando no tempo e o espaço.

A trama no roteiro inicia com Alice tendo que lidar com a dura realidade de ser uma mulher em uma época que poucas tinha a chance de fazer algo além de serem belas, recatadas e do lar, mas a jovem luta por um espaço em meio ao mundo extremamente machista. Tudo parece ir de mal a pior quando ela é convidada a retornar ao País das Maravilhas para ajudar seu amigo Chapeleiro.

Uma aventura repleta de efeitos especiais de primeira e um visual incrível, que leva a personagem literalmente a navegar entre o tempo e o espaço, numa nave que Alice rouba do próprio Tempo, que é um ser de carne e osso, interpretado por Sacha Baron Cohen, o qual está bem diferente em relação a outros trabalhos marcantes de sua carreira.

No entanto, é a mistura dos dramas familiares, com mistérios envolvendo as histórias de família dos personagens, somados ao tema "viagem no tempo", que torna o filme original e interessante, prendendo o público até o fim pelo roteiro bem escrito, mesmo sem ser uma adaptação fiel ao livro 'Alice Através do Espelho'. E para quem não leu os livros é uma boa continuação da história iniciada no anterior.

Vale dizer que o filme tem uma pequena homenagem ao ator Alan Rickman, que faleceu no início do ano, o qual interpretou em 'Alice no País das Maravilha' de Tim Burton a Lagarta Azul.

'Alice Através do Espelho' chega aos cinemas brasileiros na próxima quinta-feira, dia 26 de maio, com cópias dubladas e legendadas em português, em versão Digital 3D™, Real D 3D e IMAX® 3D.


Leia+: DIGITAL RIO NA CABINE COM O CONTOS SOBRENATURAIS

Leia também: #CinemaSobrenatural

Nenhum comentário:

Postar um comentário