Literatura Fantástica nas ondas do rádio

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Irmãs de Sangue


'Irmãs de Sangue' de Ricky Nobre é uma história de vampiro interessante que tem a cidade do Rio como cenário. Uma narrativa com lutas e ação que inclui, por exemplo, um shopping conhecido por quem mora na cidade. O que deixa evidente o amor do autor pela cidade que nasceu.

Em 'Irmãs de Sangue' o autor mostra Ana, a personagem principal do livro, quando ela recebe o dom da imortalidade. As dificuldades da transição e também os dilemas da jovem.

Lembrando um roteiro de filme "novelizado", por assim dizer, é uma leitura envolvente e intrigante e que tem um ritmo tão bom que o leitor devora as páginas dessa publicação.

Com uma história ambientada no Rio de Janeiro, vai mostrando sem enrolação as desventuras da jovem Ana que como a maioria das jovens de mesma idade, só pensava em aproveitar a vida ao lado dos amigos. Porém tudo muda quando Mikahil, um vampiro bem antigo e sua amada Elise, surgem no caminho da garota.

No livro há uma estrutura social vampiresca bem construída e interessante, com regras bem definidas. Nessa sociedade sobrenatural, um vampiro tem o direito de tornar um humano um igual, só a cada 50 anos.

Só que Mikahil, devido a algumas experiências ruins, não transformava ninguém em vampiro a séculos. No entanto, o vampiro acredita que possa dar certo dessa vez, em relação a jovem escolhida, ou seja, Ana. Só que para isso, após a transformação, a recém criada vampira, precisa entender muito bem como funciona a nova e eterna vida, assim com a misteriosa sociedade dos vampiros.

Conseguindo fazer o leitor se identificar com os principais personagens, Ricky Nobre mostra o lado positivo e negativo de cada um de uma forma envolvente.

Dentro de todas as relações que encontramos no livro, inclusive a que justifica o título do livro, destaque para o casal Mikahil para Elise, seres sobrenaturais que tem um conturbado relacionamento de companheiros de vida, apaixonados, mas também mestre e discípula.

Com 144 páginas a narrativa de 'Irmãs de Sangue' segue o ritmo de um filme bem ritmado e ágil, que inclui diálogos realista e repleto de gírias. Ótima pedida para fãs de vampiros do tipo mais clássico e também quem curte uma leitura "leve", já que a publicação da Editora Linhas Tortas é perfeita para um bom alimento mental enquanto está em ônibus, trem e etc, podendo ser facilmente levada em bolsa, mochila ou mesmo na mão.

Leia+: #ResenhaSobrenatural
Leia também: HISTÓRIAS COM VAMPIROS

Nenhum comentário:

Postar um comentário