quarta-feira, 3 de agosto de 2016

#SuicideSquad - #EsquadraoSuicida


O filme 'Esquadrão Suicida' (Suicide Squad), baseado no quadrinho DC de mesmo nome, mistura um pouco da HQ e da animação 'Batman: A Série Animada'.

Isso porque, para quem não sabe, originalmente a personagem da atriz Margot Robbie, a Harley Quinn, foi criada por Paul Dini e Bruce Timm para a série de TV. Foi o grande sucesso da personagem, que fez Harley Quinn migrar para os quadrinhos e ganhar seu próprio espaço. Tal aspecto é logo percebido, pois mesmo sendo um filme que busca a forma realista de contar uma história vinda de HQs, ainda mantenha as características marcantes da Harley Quinn em 'Batman: A Série Animada'; especial quanto ao louco amor dela pelo Pudinzinho, mais conhecido por Coringa, que mesmo interpretado brilhantemente e com características próprias por Jared Leto, ainda tem traços do Coringa da animação.


Jared Leto encarna um Coringa renovado, o qual depois das notáveis atuações cinematográficas de Jack Nicholson, com seu Coringa mafioso clássico, e Heath Ledger, com seu Coringa sociopata; ganho uma versão moderna de gangster que funciona muito bem para a proposta do filme.

No entanto, com um elenco repleto de estrelas, o filme pode-se dizer que é da Viola Davis, a qual interpreta maravilhosamente bem Amanda Waller, uma das personagens mais complexas e misteriosas do universo DC. Muito pouco se sabe dela, mas ela sempre sabe tudo de todos, inclusive as identidades secretas dos heróis.


'Esquadrão Suicida', com direção e roteiro de David Ayer, vem apresentar aos fãs da DC os personagens dos quadrinhos de mesmo nome narrando uma história com começo, meio e fim. Um grande alívio para quem nunca leu os HQs, pois não precisa ver nada antes para encarar o filme. Também vale dizer que o roteiro parece buscar a origem dos primeiros filmes de super heróis, como 'Superman: O Filme', ontem personagens são apresentados, encaram uma aventura e história é finalizada. Podendo ou não ter uma continuação e nada precisa ser explicado no próximo filme.

No caso de 'Esquadrão Suicida', a equipe de vilões recebem um chamado de "Deus", quer dizer são "contratados" pelo governo através de uma iniciativa criada por Amada Waller, onde cumprindo missões consideradas de risco, ou seja, suicidas, a recompensa, caso sobrevivessem, seria o perdão da pena, ou parte dela, dependendo do caso e de como fosse as coisas durante a missão.


Vale destaque para os atores Will Smith, como Pistoleiro que está ótimo no papel, assim como Joel Kinnaman como Rick Flag, o braço direito de Amanda Waller, e Jai Courtney como um dos vilões ícones do universo do Flash, o Capitão Boomerang, em meio a grande maioria vinda do universo de Batman.

O visual assim como os figurinos ficaram muito bons, nem muito colorido, tão pouco dark, dada a mistura de universo de vilões relacionados a heróis distintos. A trilha sonora também é de primeira e alguns dos personagens ganharam até uma música tema.

O filme estreia nos cinemas do Brasil amanhã (dia 4 de agosto), um dia antes ao lançamento mundia no dia 5, em versão 2D e 3D, inclusive IMAX. Porém 'Esquadrão Suicida' pode ser visto sem problema tanto em 2D, como em 3D.

Leia+: #EsquadraoSuicida
Leia também: CINEMA

Para matérias anteriores no Blog @DigitalRioFM, leia: #SuicideSquad

Fique ligado nas minhas análises críticas, dicas de cinema, TV e matérias especiais na Digital Rio, leia+: LUCARD


Um comentário: